Estudantes Internacionais

Mapa com ponto de localização em Lisboa

Estudantes Internacionais

O Instituto de Geografia e Ordenamento do Território (IGOT) é a única Faculdade portuguesa especializada em Geografia e Planeamento do Território, com o mais conceituado centro de investigação científica de Geografia em Portugal, o Centro de Estudos Geográficos. É uma das 100 melhores Faculdades do Mundo na área da Geografia e uma das 25 melhores da Europa, segundo o Academic Ranking of World Universities (Ranking de Xangai).

O IGOT Integra a Universidade de Lisboa (ULisboa), a maior instituição de Ensino Superior em Portugal e uma das mais prestigiadas universidades da Europa. Envolvida com a sociedade portuguesa e com a região de Lisboa, esta Universidade assume a responsabilidade de dinamizar a cidade de Lisboa como uma das grandes capitais europeias de cultura e ciência. Lisboa, com mais de 20 séculos de história, é uma cidade internacional que recebe os seus visitantes de forma hospitaleira, simpática e acolhedora, sendo uma das capitais mais seguras e económicas da Europa.

Atualmente, estudam no IGOT cerca de 75 alunos estrangeiros, de 18 nacionalidades. A estes, somam-se ainda cerca de 60 estudantes que anualmente escolhem o IGOT para realizar um período de mobilidade de estudos.

Vem fazer parte desta Comunidade!

Ingressar no IGOT
O IGOT dispõe de concursos especiais de candidatura para estudantes internacionais (com prazos, vagas e condições específicas) para ingresso nos seus cursos de licenciatura e  mestrado. O acesso aos cursos de doutoramento é realizado nas mesmas condições dos estudantes nacionais e equiparados.

Os concursos especiais para estudantes internacionais destinam-se a:

  • Estudantes de nacionalidade estrangeira diferente da de um Estado membro da União Europeia;
  • Estudantes que não sejam familiares de portugueses ou de nacionais de um Estado membro da União Europeia;
  • Estudantes que não sendo nacionais de um Estado membro, não residam legalmente em Portugal há mais de dois anos de forma ininterrupta, à data de 1 de janeiro do ano em que pretendem ingressar no ensino superior, bem como os filhos que com eles residam legalmente, sendo que o tempo de residência para estudo não releva para este efeito;
  • Estudantes que não sejam beneficiários de estatuto de igualdade de direitos e deveres atribuído ao abrigo de tratado internacional outorgado entre o Estado Português e o Estado de que são nacionais.

No caso de ter duas ou mais nacionalidades e uma delas corresponder à nacionalidade de um Estado-Membro, incluindo  Portugal, o estudante deve concorrer pelo regime geral.

Os estudantes que ingressem no ensino superior ao abrigo do Estatuto do Estudante Internacional mantêm a qualidade de estudante internacional até ao final do curso em que se inscreverem inicialmente ou para que transitem. Excetuam-se deste disposto os estudantes internacionais que adquiram a nacionalidade de um Estado membro da União Europeia, sendo que a cessação da aplicação do estatuto de estudante internacional em consequência da aquisição da nacionalidade de um Estado membro da UE produz efeitos no ano letivo subsequente à data da aquisição da nacionalidade.

Os estudantes mantêm igualmente a qualidade de estudante internacional até ao final do curso em que se inscreveram inicialmente ou para que transitem, ainda que, durante a frequência do curso, lhes venha a ser concedido o estatuto de igualdade de direitos e deveres ao abrigo de tratado internacional outorgado entre o Estado Português e o Estado de que são nacionais.

Podem candidatar-se ao ingresso nas Licenciaturas do IGOT, através do Concurso Especial de Acesso e Ingresso para Estudantes Internacionais:

  • Os titulares de uma qualificação que, no país em que foi obtida, lhes confira o direito de candidatura e ingresso no ensino superior desse país;
  • Os titulares de um diploma do ensino secundário português ou de habilitação legalmente equivalente.

Para os candidatos de nacionalidade brasileira que completaram o ensino médio no Brasil, poderão ser aplicáveis as notas obtidas no ENEM – Exame Nacional do Ensino Médio, realizadas no ano civil ou nos três anos civis anteriores ao da candidatura.

Para informações detalhadas sobre as condições e requisitos específicos a satisfazer para a candidatura a ingresso, consulte a página do curso.

O IGOT organiza um regime específico de candidatura a Mestrado, com um contingente de vagas destinado a estudantes internacionais.

As condições específicas de candidatura para cada curso, bem como a documentação a apresentar, devem ser consultadas na página do curso.

O acesso aos cursos de Doutoramento é realizado nas mesmas condições dos estudantes nacionais e equiparados.