//“Corpus Hermeticum de Luz” – Mário Vitória
A carregar Eventos

No âmbito das comemorações dos 10 Anos da Universidade de Lisboa, decorre a exposição “Corpus Hermeticum de Luz” de Mário Vitória, que terá inauguração no dia 27 de setembro de 2022, na Reitoria da Universidade de Lisboa.

A exposição conta com pinturas, desenhos e esculturas de grande escala e obra gráfica do autor. Provenientes do acervo do artista, como a obra “Apocalipse”, e outras esculturas e pinturas de coleções privadas e obras recentes.

Os diversos espaços em que decorre esta exposição permite ao público experimentar a mesma como que um roteiro simbólico, refletindo sobre a identidade dos espaços de acolhimento e os propósitos da exposição.

A Reitoria da Universidade de Lisboa será o primeiro espaço de Exposição, a inaugurar a 27 setembro de 2022, com a obra “Apocalipse” e painéis cenográficos de grande escala que foram elaborados para as sessões das “Quintas de Leitura” do Teatro Campo Alegre do Porto. Para este espaço fazem-se mostrar esboços e maquetas preliminares que contextualizam as aspirações e os passos rumo às obras finais.

As Galerias da Sociedade Nacional de Belas Artes acolhem pinturas de escala e desenhos recentes. No IGOT expõem-se as obras que constituem a raiz de toda a exposição, dado o fundo simbólico e epistemológico que se fez da geografia e da geologia. Na FBAUL recorremos a obras de coleções particulares e obras recentes em plena execução de momento. Capela, galeria e cisterna são os pontos de exposição, num pólo que reafirma a Arte como salto de expansão e resistência das civilizações. O Museu Teixeira Lopes e Galerias Diogo Macedo acolherão a peça primordial da exposição Apocalipse e o rapto da Europa, junto de uma seleção de trabalhos recentes. Na Cerâmica Arganilense reúnem-se as obras emblemáticas, que foram expostos nos espaços anteriores. Em Arganil, fecha-se um ciclo do trabalho artístico em torno do Corpus Hermeticum, um regressar às raízes. Sendo a Serra do Açor o espaço vivo e simbólico de onde partiu o Autor.

“Trata-se de uma exposição de dimensão filosófica e espiritual, centrada na Natureza e na Condição Humana. Nasce em pleno contexto de pandemia e Guerra. Tece diálogos sobre questões pós-pandémicas e condição humana perante os estilhaços da guerra, nomeadamente as suas implicações e superações. As exposições “Animismo urgente de Futuro” e “Ouvir o musgo a crescer” são os satélites germinais de onde partiram os primeiros objetivos para a presente exposição. Objetivos esses que mostram caminhos filosóficos, alternativas inclusivas de formas diversas da dignidade humana, nomeadamente valências das “ecologias de futuro” tendo a Natureza, a Espiritualidade e a Ciência como pano de fundo.”

Mário Vitória

 

Mário Vitória – Síntese Biográfica

Nasceu a 27 de setembro de 1983, em Coimbra, natural de Côja, Arganil. O seu ateliê encontra-se em Vila Nova de Gaia.
Durante o percurso académico, realizou estudos intermédios em Lyon (França), Bolonha (Itália) e Sheffield (Inglaterra). Licenciou-se na Faculdade de Belas-Artes da Universidade do Porto. Mestre pela mesma Faculdade em Práticas e Teorias do Desenho. É mestre também pela Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação do Porto na área das Artes Visuais.

Em 2010, realizou a encomenda institucional para o retrato do Ex-Presidente da República, Dr. Mário Soares, que se encontra em exposição permanente em Arcos de Valdevez. Apresentou no evento “Capital Europeia da Cultura de 2012” a sua maior obra “Apocalipse e o rapto da Europa”, que foi exposta no Museu Nacional de Alberto Sampaio, no Paço dos Duques de Bragança, no Centro de Artes de Sines, no Centro de Memória Vila do Conde e no Museu Nacional Machado de Castro, em exposição em 2022, no contexto da exposição “Corpus Hermeticum de Luz” na Casa Museu Teixeira Lopes, Cerâmica Arganilense e na Reitoria da Universidade de Lisboa. Realizou em 2016, a convite da Federação Portuguesa de Natação, a obra Institucional “Espírito Olímpico da Natação” para a celebração da FPN e dos seus atletas nos Jogos Olímpicos de 2016 no Brasil. Selecionado com mais quatro artistas portugueses para representar Portugal na exposição internacional “JCE – Jovens Criadores Europeus (2017-2019)”. Em 2020, recebeu, pela Diretora Regional da Cultura Centro Suzana Menezes, a Medalha de Mérito Cultural atribuída pelo Município de Arganil. Nesse ano, a convite do CPS – Centro Português de Serigrafia realizou uma Serigrafia de edição especial em homenagem ao Mestre Artur Cruzeiro Seixas. A convite da Federação Portuguesa de Natação, com a colaboração do Comité Olímpico e Paralímpico de Portugal, realizou a obra institucional “Mergulho de uma amizade ancestral na celebração Olímpica”, para homenagear o Desporto e a Natação Olímpica nos Jogos Olímpicos de 2020 no Japão. De momento prepara a obra institucional “Mergulhos de Renascimento: A grande união dos Cardumes” que celebrará os Jogos Olímpicos de Paris em 2024. Sobre a sua obra já escreveram vários autores da cultura portuguesa.

Mário Vitória está representado em inúmeras coleções oficiais e particulares, nacionais e internacionais.
www.mariovitoria.com

 

Ciclo de Inaugurações

27 de Setembro | 18h00
(Grande abertura e Lançamento do Livro das Exposições)
Reitoria da Universidade de Lisboa, até 31 de Outubro de 2022
Alameda da Universidade, 1649-004 Lisboa

28 de Setembro 2022 | 17h00
Instituto de Geografia e Ordenamento do Território – IGOT da Universidade de Lisboa, até 11 de Novembro de 2022
R. Branca Edmée Marques, 1600-276 Lisboa

4 de Novembro 2022 | 18h00
Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa, até 30 de Novembro de 2022
Largo da Academia Nacional de Belas Artes 4, 1249-058 Lisboa

10 de Novembro 2022 | 18h00
Sociedade Nacional de Belas Artes, até 10 de Dezembro de 2022
R. Barata Salgueiro 36, 1250-044 Lisboa

12 de Novembro 2022 | 16h00
Casa-Museu Teixeira Lopes / Galerias Diogo de Macedo, até 31 de Janeiro de 2023
R. Teixeira Lopes 32, 4430-999 Vila Nova de Gaia

21 de Fevereiro 2023 | 17h30

Câmara Municipal de Arganil, Átrio Guilherme Filipe, até 24 de Abril de 2023
Praça Simões Dias, 3304-954 Arganil

21 de Fevereiro 2023 | 21h00

Cerâmica Arganilense, até 21 de Março de 2023
Rua Cidade do Rio de Janeiro, Bairro Sobreiral, 3300-145 Arganil