O programa de doutoramento em Território, Risco e Políticas Públicas organiza-se em dois percursos: regular e de projeto de investigação.

O percurso regular é composto por uma componente escolar no primeiro ano do ciclo de estudos (60 ECTS), a qual é complementada por uma componente investigativa de elaboração da tese que decorre nos três últimos anos do programa (180 ECTS).

O percurso de investigação aplica-se aos candidatos que estejam inseridos em projetos de investigação nacionais ou estrangeiros ou sejam detentores de bolsas de doutoramento nacionais ou estrangeiras ou ainda, quando tendo frequentado Mestrados na área cientifica relevante em qualquer das Universidades envolvidas, demonstrem capacidades de investigação excecionais. No percurso de investigação os estudantes escolhem no primeiro ano três unidades curriculares do núcleo formativo e frequentam obrigatoriamente o Seminário de Investigação, até perfazer 30 unidades de crédito. Iniciam no primeiro ano os trabalhos conducentes à elaboração da tese, que se prolongam nos três anos seguintes (210 ECTS).

Percurso Regular

1º ano

1º Semestre Créditos 2º Semestre Créditos
Estratégias de mitigação do risco 8 Cidadania e Governação do Risco 8
Fatores de risco e gestão territorial 8 Ordenamento do território e análise multiescalar do risco 8
Métodos e técnicas de avaliação e gestão do risco 8 Políticas Públicas e Instrumentos de Gestão do Risco 8
Ciclo de conferências 6 Seminário de Investigação 6

2º ano e seguintes

Preparação da dissertação / projeto

Percurso de Projeto de Investigação

Escolha de três das unidades curriculares oferecidas no 1º Ano e, obrigatoriamente, do Seminário de Investigação até perfazer 30 unidades de crédito.

2º ano e seguintes

Preparação da dissertação / projeto